Volume
Rádio Offline
Redes
Sociais
Homenageados, Laís Souza e Renato Janine Ribeiro são os destaques da Feira do Livro nesta quarta-feira (23)
22/05/2018 20:58 em Brasil

 

Programação vai contar com o Salão de Ideias, às 14h30, com o autor local Camilo Xavier e a professora Heloisa Martins Alves (homenageados desta edição), na Sala Principal do Theatro Pedro II e depois, às 19h30, com um encontro com a ex-atleta Laís Souza, no Auditório Meira Junior. A Conferência do dia terá a participação do escritor, professor e ex-Ministro da Educação, Renato Janine Ribeiro, e acontece às 19h, no Theatro Pedro II, entre várias outras atividades

 
Alta | Web
 
Alta | Web
 
Alta | Web
 
Alta | Web

Ribeirão Preto (SP), 22 de maio de 2018 – Nesta quarta-feira (23) a programação da 18ª Feira Nacional do Livro de Ribeirão Preto se expande com atividades que reúnem figuras importantes e bem conhecidas pelo público. O Sesc traz, entre 9h e 13h, a Oficina Pé de Brincadeira "Histórias na Ponta da Agulha", na Esplanada do Theatro Pedro II. Nesta atividade, os participantes terão um contato com costuras manuais, bordados coletivos e individuais tendo como inspiração as histórias dos livros prediletos. Acontece também o espetáculo de teatro "O Bobo do Rei", às 10h, na Tenda Sesc.

Às 10h e às 14h30 haverá a Contação de História "Festa Junina no Campo", no Espaço do Leitor (no Estande da Fundação do Livro e Leitura), e a sessão Clássicos da Minha História com o tema "Emília, a boneca mais humana que gente de verdade", às 10h30, com a professora Marisa Lajolo, no Auditório Meira Junior do Theatro Pedro II.

No período da tarde, o público poderá conferir no Centro Cultural Palace as apresentações do Coral Tom Sobre Tom, às 14h, e do teatro Sítio do Pica-Pau Amarelo (atividade do Sesi), a partir das 14h30. No mesmo horário acontece o Salão de Ideias com os homenageados Camilo Xavier (autor local) e Heloisa Martins Alves (professora), na Sala Principal do Theatro Pedro II. Dedicando sua vida profissional à medicina, Camilo Xavier sempre nutriu uma paixão pela literatura. Hoje, além de escritor e poeta, ele participa de projetos voltados ao incentivo da cultura em Ribeirão Preto. Heloisa Martins Alves é professora e seu contato com os livros começou desde pequena. Autora de três livros, hoje ela trabalha com artes visuais e formação de professores.

Às 16h30, no Auditório Meira Junior, o encontro é com o escritor paulistano Fernando Bonassi. Romancista, contista, roteirista, diretor e dramaturgo, Bonassi já trabalhou na TV Cultura e TV Globo, possuindo trânsito livre entre a literatura, a dramaturgia e o audiovisual.

Também no Auditório Meira Junior, a partir das 19h30, a Estácio traz o Salão de Ideias com a participação da ex-atleta Laís Souza. Integrante da Seleção Brasileira de Ginástica Artística nas Olimpíadas de Atenas e Pequim, Laís Souza conquistou vários títulos e medalhas. Em 2014 sofreu um acidente que a deixou tetraplégica e a fez ter novos objetivos. Hoje, ela faz palestras e cursa Psicologia no Centro Universitário Estácio, em Ribeirão Preto.

No Theatro Pedro II, às 19h, acontece a Conferência com o escritor, professor e ex-Ministro da Educação, Renato Janine Ribeiro, que trará uma conversa sobre sua história e sua carreira. Vencedor do Prêmio Jabuti de Melhor Ensaio em 2001 e organizador de uma série de programas sobre ética para a TV Futura, Renato Janine Ribeiro é atualmente professor titular de Ética e Filosofia Política na Universidade de São Paulo.

Combinando Palavras

A programação desta quarta-feira também conta com mais uma atividade do projeto Combinando Palavras. Desta vez os estudantes do ensino médio da rede estadual terão um encontro com o escritor Fernando Bonassi, às 8h30, no Theatro Pedro II.

Promovido pela Fundação do Livro e Leitura em parceria com a Diretoria de Ensino e apoio do Sesc, o Combinando Palavras oferece aos estudantes a possibilidade de ter contato com a obra de grandes escritores nacionais e encontrá-los pessoalmente durante a feira para apresentar seus trabalhos e produções literárias.

 

OBS> Todos os eventos são gratuitos. Nos espaços sujeitos à lotação, os participantes devem retirar uma senha com uma hora de antecedência. Nos demais locais, a entrada será feita por ordem de chegada.

Ciclo de Palestras do Comad (Conselho Municipal sobre Álcool e Drogas de Ribeirão Preto) – Local: todas as atividades do Comad acontecerão no Auditório do Sincovarp Atenção: atividade pré-agendada para alunos da rede pública.

9h | Um Dia de Sobriedade - Nilton Carvalho

14h | Adolescência e drogas – Camila Andrade

Cine-Literatura - Neuromancer: uma Revolução na Literatura de Ficção Científica | 9h 
Local: Biblioteca Padre Euclides

A palestra irá abordar os impactos do livro Neuromancer (1984), de William Gibson atrelados a temas como internet, inteligência artificial, próteses cibernéticas, entre outros. Essa obra revolucionou não apenas a literatura de ficção científica, marcando o surgimento de um subgênero específico: o ciberpunk – como toda a cultura literária e audiovisual posterior. Marco Antonio de Almeida é professor doutor da USP/RP, professor e orientador no programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação da ECA-USP e pesquisador. Fez pós-doutorado junto à Universidade Carlos III de Madrid.

Salão de Ideias - As Histórias que os Livros Contam e as Leituras que a Gente Faz sobre a Diversidade | 10h 
Local: Centro Cultural Palace | Auditório Pedro Paulo da Silva

Mariane Ferreira é escritora e discente no programa de Pós-Graduação na Unicamp. É também fundadora da Academia de Letras Aguaiana e autora de duas obras, publicadas em 2016. Teve carreira como atleta integrando a Seleção Brasileira de Ciclismo (representou o país nas Paralímpiadas Rio-2016 como atleta piloto de uma atleta deficiente visual).

Intervenção - Maresias: O Mar em Poesia [Daniel Viana e Thais Krauss] | 12h e 14h (atividade Sesc)
Local: Esplanada do Theatro Pedro II

Um barco de papel gigante anuncia que a embarcação de poesia está em terra firme, trazendo na bagagem garrafas coloridas com poesias sobre mares e amores. O público é convidado a pescar as mensagens das garrafas e descobrir os tesouros que estão escondidos no fundo do mar.

Oficina – Um livreto para chamar de meu [Dandara Martins] | 14h (atividade Sesc)

Local: Esplanada do Theatro Pedro II

Produção de um livreto artesanal com capa colorida e personalizada, criando um estímulo para o participante anotar seus pensamentos, histórias, poemas.

Narração de Histórias Bolado com o Nome do Bolo | 14h

Local: Tenda Sesc

Menino curioso e inventador, inventou de reinventar o nome das coisas. Acabou inventando a maior confusão!

Salão de Ideias - A Literatura Une Olavo Bilac e Cora Coralina | 14h30

Local: Centro Cultural Palace | Auditório Pedro Paulo da Silva

André Luiz da Silva é advogado, apresentador de programas de rádio e televisão e ex-vereador. É vice-presidente da União dos Escritores Independentes de Ribeirão Preto com participação em várias antologias. Helena Agostinho é ativista, escritora e contadora de histórias. Presidente da União dos Escritores Independentes e da Sociedade Alarpeana Amigos da Arte. Autora do livro Desvendando a Poesia. Luiz Fernando Valladares é autor de Corpoema; Ver de Novo, Das Raízes (todos de poemas); Encontros com Cora Coralina de Goyaz (ensaio). É membro da UEI e de outras entidades literárias. Alciony Menegaz é cantora, pintora, escritora, membro da Academia de Letras e Artes de Barretos, UEI e Casa do Poeta.

Espetáculo Infantil As Histórias que os Livros Contam e as Leituras que a Gente Faz de La Fontaine: Lily, Lalá e o Zé Cigarra | 14h30

Local: Teatro Municipal

Espetáculo baseado na fábula O Gafanhoto e a Formiga, atribuída a Esopo e recontada por Jean de La Fontaine. Lily é uma formiguinha que gosta só de trabalhar para garantir alimento para o inverno, enquanto sua irmã Lalá vive questionando o motivo de se trabalhar tanto. Até que elas conhecem Zé Cigarra, um astro do Rock da Floresta, e passam a refletir sobre os valores que envolvem trabalho exaustivo, diversão, tempo e o valor da família. Com uma nova visão da vida, elas resolvem chamar o Zé Cigarra para fazer parte da grande família.

Intervenção - Troco um Causo por um Conto | 15h às 17h (atividade Sesc)

Local: Esplanada do Theatro Pedro II

Em um cenário composto por uma máquina de escrever, uma mesa e duas cadeiras, surge o convite do poeta: Troco um Causo por um Conto. As histórias de vida compartilhadas pelo público se transformam em poesia. O resultado é datilografado em guardanapos coloridos e presenteado ao contador da história.

Show – Mutum | 17h (atividade Sesc)
Local: Tenda Sesc

Mutum é um show que une música e poesia. É uma pesquisa no campo do afeto em busca da possibilidade do tal "amor universal". O espetáculo trata das conexões e desconexões, da intolerância e da empatia, da liberdade, sexo, esperança, discriminações, paixão...Tudo isso em cerca de 25 poemas, Mariana musicados e recitados.

Apresentação Artística/Unaerp - Quarteto de Saxofones Acerta o Passo | 17h30

Local: Centro Cultural Palace | Auditório Pedro Paulo da Silva

Formado por Rafael Leme (saxofone soprano), Mário Alonso (saxofone alto), Marcelo Toledo (saxofone tenor) e Vanderlei Henrique (saxofone barítono) - músicos com longa experiência - o "Quarteto Acerta o Passo" traz para essa formação composições e arranjos próprios, focados na tradição brasileira, mas também com incursões na música latino-americana.


Salão de Ideias – Inclusão | 19h

Local: OAB

O palestrante Gonzalo de Alencar Lopez é advogado, professor de Direitos da Pessoa com Deficiência, Direitos da Criança e do Adolescente e Direito Educacional.

Salão de Ideias - Programação EJA/Nova Acrópole - O Pequeno Príncipe | 19h30

Local: Centro Cultural Palace | Auditório Pedro Paulo da Silva

Publicado em 1943, O Pequeno Príncipe, de Antoine de Saint-Exupéry, é uma das obras mais traduzidas da história. Por meio de uma narrativa poética, o livro apresenta uma visão diferente de mundo, levando o leitor a mergulhar no próprio inconsciente. Estima-se que a obra seja uma das dez mais vendidas no mundo, com cerca de 180 milhões de cópias. Quem vai comentá-la é Priscila Arduini, atual diretora da unidade de Ribeirão Preto da Nova Acrópole, além de instrutora de filosofia oriental e ocidental, psicologia e história.

 

18ª Feira Nacional do Livro

Um dos maiores eventos culturais do país, a Feira Nacional do Livro completa 18 anos e acontece entre os dias 20 a 27 de maio de 2018. Com o tema "As Histórias que os Livros Contam e as Leituras que a Gente Faz", a programação conta com atividades gratuitas entre salões de ideias, conferências, sessões Clássicos da Minha História, palestras, mesas-redondas, oficinas, shows, espetáculos infantis, performances, contações de histórias, entre outras.

Neste ano, a programação não só lança diversas novidades, como as Sessões Clássicos da Minha História, conferências com o tema da feira baseadas em livros clássicos e espetáculos musicais inéditos, entre outras. Uma programação bem variada, com cerca de 250 atividades culturais - com atrações para todos os públicos e idades - e participação de grandes estrelas da literatura nacional para Ribeirão Preto.

Homenageados

Como em todos os anos, a Feira do Livro fará homenagem a um país – e o escolhido foi Uruguai. Quanto aos autores celebrados, o escritor principal é Sérgio Buarque de Holanda; o autor educação é Antonio Candido; a autora infantojuvenil é Marina Colasanti; autor local, Camilo Xavier e a professora homenageada, Heloisa Martins Alves. Como patrono, a direção da feira indicou o advogado Sérgio Roxo da Fonseca.

Realização

O Ministério da Cultura, Governo do Estado de São Paulo, Secretaria da Cultura, Prefeitura Municipal de Ribeirão Preto, Alta Mogiana, GasBrasiliano e Fundação do Livro e Leitura de Ribeirão Preto apresentam a 18ª Feira Nacional do Livro de Ribeirão Preto com Patrocínio Ouro Alta Mogiana - Açúcar, Etanol e Energia e Gás Brasiliano. Patrocínio Prata Ambient, Centro Universitário Estácio de Ribeirão Preto, Grupo São Francisco e Savegnago Supermercado. Patrocínio Bronze Grupo Maubisa, Pedra Agroindustrial e Ribeirão Shopping Patrocínio ACIRP - Associação Comercial e Industrial de Ribeirão Preto, Madeiranit, Passalacqua e Via Brasil Seminovos. Instituição Cultural Parceira SESC - Serviço Social do Comércio. Parceiro Cultural Fundação Dom Pedro II e Theatro Pedro II, Immaginare Escola de Criação e Design, Santa Helena, Senac - Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial, SESI – Serviço Social da Indústria, Grupo Thathi de Comunicação e Unaerp – Universidade de Ribeirão Preto. Apoio Cultural Centro Universitário Barão de Mauá, Centro Universitário Moura Lacerda, Estevan Soares, Heurys Tecnologia, Monreale Hotel - Ribeirão Preto, NW3 Comunicação, Verbo Nostro Comunicação Planejada, EPTV, Jornal A Cidade, Rádio CBN, G1 e A Cidade On. Apoio Secretaria Municipal da Cultura, Secretaria Municipal da Educação, Teatro Municipal de Ribeirão Preto, Centro Cultural Palace, Diretoria de Ensino Região de Ribeirão Preto, Câmara Municipal, Biblioteca Altino Arantes e Fundação Educandário, Colégio Marista, Biblioteca Padre Euclides, Colégio Auxiliadora, OAB, Sincovarp-Sindicato do Comércio Varejista de Ribeirão Preto, Macboot, Usina São Martinho, Grupo Utam, IPCCIC - Instituto Paulista de Cidades Criativas e Identidades Culturais, Ribeirão Preto Film Comission, Recicla Bytes, Coderp, Daerp, Transerp, Corpo de Bombeiros, Guarda Civil Municipal e Polícia Militar. Realização Fundação do Livro e Leitura de Ribeirão Preto, Prefeitura Municipal, Governo do Estado de São Paulo, Secretaria da Cultura, Ministério da Cultura, Brasil – Governo Federal.

Sobre a Fundação

A Fundação do Livro e Leitura de Ribeirão Preto é uma entidade de direito privado, sem fins lucrativos. Trata-se de uma evolução da antiga Fundação Feira do Livro, criada em 2004, especialmente para realizar a Feira Nacional do Livro da cidade. Hoje, é considerada a segunda maior feira a céu aberto do país. Com uma trajetória sólida e projeção nacional e internacional, a entidade ganhou experiência e, atualmente, além da Feira, realiza muitos outros projetos ligados ao universo do livro e da leitura com calendário de atividade durante todo o ano. A Fundação se mantém com o apoio de mantenedores e patrocinadores, com recursos diretos e advindos das leis de incentivo, em especial do Pronac e do Proac.

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!