Volume
Rádio Offline
Redes
Sociais
MAM São Paulo inaugura mostra online inédita de Antonio Dias
31/07/2020 08:18 em Arte
Exposição traz ao público uma prévia da retrospectiva do artista que será inaugurada
na reabertura do Museu. Mostra integra programação especial de
aniversário de 72 anos do Museu


O Poder, 1963, Antonio Dias | Crédito: Jaime Acioli

Imagens de divulgação: http://flic.kr/s/aHsmLsmJWW


A partir de 27 de julho, o público poderá conferir na página do Museu de Arte Moderna de São Paulo no Google Arts & Culture, um recorte inédito virtual da exposição Antonio Dias: derrotas e vitórias . A prévia online integra a programação especial de aniversário de 72 anos do MAM São Paulo e é uma das diversas iniciativas online do Museu que, desde o início da pandemia, promove tours virtuais, lives, quizzes, conteúdos inéditos e cursos online em seus canais digitais.

Figura de singular trajetória na arte contemporânea brasileira, Antonio Dias (1944 - 2018) é autor de uma obra multimídia, carregada de engajamento social e político, e de ironia e sensualidade. Com curadoria de Felipe Chaimovich e patrocínio do Credit Suisse, a mostra Antonio Dias: derrotas e vitórias seria inaugurada em março no espaço físico do Museu e foi adiada por conta da pandemia do Covid-19. A exposição reúne obras emblemáticas, muitas delas raramente exibidas, todas advindas do acervo pessoal do artista.

"Ao falecer, em agosto de 2018, Antonio Dias reunira uma coleção das próprias obras que recobria toda sua trajetória artística. O conjunto compunha-se tanto de peças de que ele nunca havia se separado, como de outras recompradas de terceiros para quem tinham sido vendidas. Tratava-se, pois, de uma representação de si mesmo intencionalmente construída, mantida e guardada", explica o curador.

No período da inauguração online, de 27 a 31 de julho, o Museu promoverá em suas redes sociais conteúdos e atividades inéditas relacionadas à mostra, são experiências poéticas e narração de histórias ao vivo no Instagram, ambas propostas pelo MAM Educativo, e ainda uma conversa transmitida ao vivo no Youtube entre Felipe Chaimovich, curador da mostra, e Cauê Alves, curador do MAM.

Desde o início da pandemia, o MAM intensificou sua presença digital por meio de uma programação diversa e destinada ao público de todas as idades. O #MAMonline traz ações artísticas, culturais e educativas que convidam a refletir, pesquisar e inspirar. Ainda que a experiência presencial seja insubstituível, o online se fortalece como um importante complemento, a exemplo dos números de acesso das plataformas digitais do Museu. Apenas no último mês, entre 1 de junho e 1 de julho, o site do MAM recebeu 54.888 visualizações, computou 3.185 novos acessos na página de tour virtual e ganhou 14.305 novos usuários. O perfil do MAM no Google Arts & Culture cresceu de 1.2 mil page views em fevereiro para 15 mil page views em março, um crescimento de mais de 1000% de fevereiro para março - início da campanha #MAMOnline. E, de maio a junho, foi computado 19 mil page views.
 
Sobre o MAM São Paulo

Fundado em 1948, o Museu de Arte Moderna de São Paulo é uma sociedade civil de interesse público, sem fins lucrativos. Sua coleção conta com mais de 5 mil obras produzidas pelos mais representativos nomes da arte moderna e contemporânea, principalmente brasileira. Tanto o acervo quanto as exposições abrem-se para a pluralidade da produção artística mundial e a diversidade de interesses das sociedades contemporâneas.

O Museu mantém uma ampla grade de atividades que inclui cursos, seminários, palestras, performances, espetáculos musicais, sessões de vídeo e práticas artísticas. O conteúdo das exposições e das atividades é acessível a todos os públicos por meio de visitas mediadas em libras, audiodescrição das obras e videoguias em Libras. O acervo de livros, periódicos, documentos e material audiovisual é formado por 65 mil títulos. O intercâmbio com bibliotecas de museus de vários países mantém o acervo vivo.

Localizado no Parque Ibirapuera, a mais importante área verde de São Paulo, o edifício do MAM foi adaptado por Lina Bo Bardi e conta, além das salas de exposição, com ateliê, biblioteca, auditório, restaurante e uma loja onde os visitantes encontram produtos de design, livros de arte e uma linha de objetos com a marca MAM. Os espaços do Museu se integram visualmente ao Jardim de Esculturas, projetado por Roberto Burle Marx para abrigar obras da coleção. Todas as dependências são acessíveis a visitantes com necessidades especiais.

http://www.mam.org.br/MAMoficial
http://www.instagram.com/MAMoficial
http://www.twitter.com/MAMoficial
http://www.facebook.com/MAMoficial
http://www.youtube.com/MAMoficial

Serviço:
Prévia online da mostra Antonio Dias: derrotas e vitórias
Curadoria: Felipe Chaimovich
Abertura: segunda-feira, 27 de julho
Página Museu de Arte Moderna de São Paulo no Google Arts &Culture
http://artsandculture.google.com/partner/museu-de-arte-moderna-de-sao-paulo
COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!